A moda das adaptações

Virou moda! É notável a crescente de adaptações de histórias clássicas, ou que fizeram sucesso, em adaptações gráficas. Não, não vou falar de filmes e livros baseados (acho que são pautas para próximos posts!), mas sim de outros livros que podemos apreciar em imagens. Ver o que outras pessoas, sejam os autores ou não, imaginaram para as histórias. Graphic novels, HQs e mangás… a coisa realmente pegou!

Já falei sobre o Graphic Novel de Crepúsculo (Stephenie Meyer), a sequência de Avalon High (Meg Cabot) em mangá, e o HQ de O Cão dos Baskervilles (Artur Conan Doyle). Mas será que parou por ai? Não! A Editora Galera Record está apostando novamente em mangá para histórias clássicas de Shakespeare.

A adaptação de Hamlet por exemplo, além de ser adaptado para o mangá, faz uma releitura diferente da história. Onde se passa no futuro, em um mundo cibernético.

Situada num conflagrado mundo cibernético, Hamlet, Príncipe da Dinamarca, afligido pela morte de seu pai, vê uma aparição noturna caminhar pelas muralhas do castelo. É o fantasma do finado rei, pai de Hamlet, que lhe revela a identidade do assassino, ninguém menos que o seu próprio irmão. Buscando vingar a morte de seu pai, Hamlet nos conduz numa jornada através da loucura, traição e doloroso amor.

Leia o primeiro capítulo.

Outro livro também faz parte da Coleção Mangá Shakespeare que lança esse mês pela editora: Romeu e Julieta.

Ambientada nos tempos de hoje, a adaptação de Romeu e Julieta conserva a história original de rivalidade entre as famílias, mas também coloca a pitada mangá para completar com história se passando em Tóquio.

Famílias rivais, os Montéquio e os Capulento estão em constante desavença.Enquanto isso, alheio às brigas, Romeu tenta desesperadamente esquecer sua namorada, Rosalina. Para tal, e com a ajuda e incentivo de seu amigo Benvolio, resolvem ir a uma festa que os Capuletos darão – mesmo sabendo que ninguém que carregue o nome da sua família será bem-vindo.

Lá, como não poderia deixar de ser, Romeu é descoberto e imediatamente expulso – mas não antes de se apaixonar perdidamente por Julieta, filha do sr. Capuleto e já prometida. Ignorando os avisos, na mesma noite Romeu vai à janela de Julieta para declarar seu amor, e é correspondido.

Leia o primeiro capítulo.

Ambos já foram lançados esse mês e estão à venda na Livraria Saraiva e na Livraria Cultura: Hamlet, Romeu e Julieta.

Eu não sou muito fã da adaptação de histórias conhecidas para mangá, mas esses dois trazem algo novo para ambas as obras e fiquei curiosa para saber como foi tratado. E vocês?

19 Comentários para “ A moda das adaptações ” | Deixe um comentário »

  • Paola
    mai 16, 2011 @ 14:28

    Esse pessoal inventa tudo…

    [Responder]

  • mai 16, 2011 @ 14:29

    Nossa, adorei a dica. Não sabia disso e fiquei tão curiosa para ver o resultado. Vou querer ler.
    Beijo

    [Responder]

  • Lara
    mai 16, 2011 @ 14:33

    eu acho que essas adaptações em mangá é uma maneira de prender mais os jovens de hoje em dia, já que muitos já perderam o interesses pelos livros originais. Eu acho uma boa aposta.

    [Responder]

  • mai 16, 2011 @ 14:34

    Acho que qualquer adaptação é válida desde que seja de qualidade. Infelizmente alguns livros/filmes adaptados perdem justamente isso no meio do caminho.

    Espero que no caso desses mangás seja diferente.
    teh mais

    [Responder]

  • mai 16, 2011 @ 14:43

    Interessante, se conseguirem manter a essência das obras, pode ser muito legal…

    [Responder]

  • mai 16, 2011 @ 14:47

    Não sou muito fã de mangá não ;s Mas para atrair o público jovem é uma boa idéia.

    [Responder]

  • mai 16, 2011 @ 15:10

    Não curto muito mangá, mas concordo com a Vívian, acho que é uma alternativa super válida para incentivar a leitura e ainda promove a aproximação entre clássicos da literatura e o público jovem.

    [Responder]

  • mai 16, 2011 @ 15:20

    É mesmo uma ideia interessante, uma adaptação bem feita pode dar um ar novo sem perder a essência e, talvez, fazer os q não conhecem se interessarem pela história original.
    Quanto a essa moda de HQs, depois q eu vi a Bíblia em mangá, não duvido de mais nada hahaha

    [Responder]

  • Érika Peixoto
    mai 16, 2011 @ 15:59

    Acho que é uma ideia interessante pra tentar aproximar o público jovem da leitura clássica. Eu nunca li nada em mangá, e acho que começaria lendo um desses de Shakespeare.

    [Responder]

  • mai 16, 2011 @ 17:39

    Boa parte de historias best-sellers hoje em dia tem o caminho garantido para os quadrinhos. Alguns ficam legais, outros nem tantos. Mas gostei da ideia de adaptar as historias de Shakespeare, será que é tão bom quando os originais?

    Beijos, Julia
    Tijolinha, Books & Fanfics

    [Responder]

  • Gustavo
    mai 16, 2011 @ 18:28

    A vantagem que se tem nessas adaptações é que vai chamar mais a atenção dos jovens, que hoje preferem os HQ a um livro. O interesse na leitura irá aumentar, principalmente para histórias clássicas como as de Shakespeare. Achei uma boa idéia mesmo ainda preferindo os livros normais ;)

    [Responder]

  • Jeu
    mai 16, 2011 @ 18:42

    Gosto de mangás que não sejam de ação porque ver uma ação em preto e branco é O FIM! As vezes espero sair o anime se tiver (tipo Bleach, Naruto, Fairy Tail…)
    Nunca comprei uma grafich novel, mas quando a de VA sair aqui eu vou comprar! HAHA
    Eu gosto de adaptações porque mesmo mal feitas atraem pessoas a comprarem os livros e tal, ajuda o escritor e as editoras.
    Beijo.

    [Responder]

  • mai 16, 2011 @ 21:13

    Não sou fã de mangás, mas achei o Romeu e Julieta bem bonitinho *-*

    [Responder]

  • Juliana
    mai 16, 2011 @ 21:14

    Nunca li uma adaptação de um livro, mais acho que seria legal e é um incentivo pra quem nao gosta muito de ler, pois as adaptações em HQ, por exemplo, são menores e mais fáceis de ler.

    [Responder]

  • Eva Munhoz
    mai 17, 2011 @ 09:45

    Olá Pam!!Minhas filhas adoram mangá,eu não gosto muito,mas acho que tenho que conhecer melhor,porque a juventude pede mais esse tipo de “literatura”

    [Responder]

  • mai 17, 2011 @ 10:30

    REALLY? =O
    Eu gosto de mangá, HQ e afins… mas mto doido HQ de Clássico! Okay, fiquei curiosa

    [Responder]

  • mai 17, 2011 @ 11:06

    Fiquei suuuuper afim de ler *-* parece muito legal :D Ainda não consegui ler nenhuma Graphic Novel e quero me matar por isso, kkkk. mas vou fazer isso logo logo :D

    Beijos

    [Responder]

  • mai 17, 2011 @ 21:43

    Nossa, não sabia dessa novidadee ;)
    Eu nunca li Romeu e Julieta, pq não gosto da estória, mas Hamler quero ver em Graphic Novel!!
    Beijos;*

    [Responder]

  • Taisa
    mai 18, 2011 @ 21:48

    Tb nunca passei da turma da monica, e hj não morro mais de amores por HQ.
    Talvez comece a ler novamente pq estao fazendo de livros bem legais como Hamlet!!
    Minha mae vai adorar pq tem um monte de “desenhos”…hahahahahha
    Bjs

    [Responder]

* Campos obrigatórios.

- Para ter sua foto nos comentários, cadastre seu e-mail em Gravatar.
- Comentários com links serão editados, há um espaço apropriado para o seu link no formulário.